segunda-feira, setembro 24, 2018

domingo, setembro 23, 2018

Parabéns mailave


22 de Setembro

Apesar de jogar de vez em quando, não creio que o Euro Milhões me vá sair outra vez. O Rui é o meu Euro Milhões e eu quero conseguir celebrar o seu 100º aniversário.
És um sol e iluminas a minha vida com o teu cuidado, carinho e amor incondicional.
Espero que sintas que reconheço o valor que tens. Os meus dias só fazem sentido quando te são contados e a tua opinião é a mais importante de todas. Quero estar ao teu lado para sempre!!!

Parabéns bonzão, estás a ficar um cota todo charmoso ;-)

quinta-feira, setembro 20, 2018

Casa de campo


Um dos meus muitos sonhos para um futuro milionário é ter uma casinha pequenina no meio de um terreno enorme cheio de árvores. É um sonho um pouco nórdico e um pouco perigoso sendo Portugal um país de fogos florestais no verão. Mas nada disso me impede de sonhar. O sonho comanda a vida. "Deslarguem-me"!!!











quarta-feira, setembro 19, 2018

Disney countdown



Já chegaram os bilhetes da Disney e até os bilhetes são giros. A nós calharam-nos bilhetes com o Stitch. De mascote endiabrada para as mascotes endiabradas cá de casa. Estamos ansiosos por ir...

segunda-feira, setembro 17, 2018

The Mentalist



Gosto muito da série "o Mentalista". Já a vi toda pelo menos duas vezes. Está a passar outra vez no axn white e não consigo resistir. O mais irritante da série é saber que as duas personagens principais vão ficar juntas mas ter que esperar 6 temporadas inteirinhas para o ver. Que nervos, a malta quer romance...

domingo, setembro 16, 2018

Sunday update



Por aqui todos dormem a sesta menos eu. Forro livros (yeeeeeaaaaaah, NOT). Vendo a coisa pelo lado positivo, estou sozinha, ninguém me está a pedir ajuda para nada, ninguém está a fazer queixinhas, ninguém me está a perguntar onde está o não sei quê.

Sou só eu, os livros, o malvado do papel autocolante e os Arcade Fire

sexta-feira, setembro 14, 2018

Para desanuviar (ouvir bem alto no carro de regresso a casa)



Uma músiquinha para acabar a semana em beleza, timeless, que somzaço...

quinta-feira, setembro 13, 2018

Vamos sonhar...

Lago Tahoe, USA
Positano, Itália

Ruínas romanas, Turquia

terça-feira, setembro 11, 2018

Voyeurismo imobiliário


Chuveiro outdoor com privacidade

O chão é brutal


segunda-feira, setembro 10, 2018

quarta-feira, setembro 05, 2018

domingo, setembro 02, 2018

Desabafo set 2018


Ora bem...eu sei que tenho estado ausente. Vou pondo aqui umas coisas mas conversa que é bom, nada.
Tudo tem um motivo, tudo tem uma explicação.

Quando não me sinto espectacular encolho-me na minha concha, daí não escrever nada mais do que legendas de fotos de há uns meses para cá. Eu olho para o pc e não tenho nada interessante para dizer. Tenho coisas interessantes a acontecer na minha vida mas nem sempre me apetece partilhar.

Lembram-se daquele equilíbrio zen que consegui alcançar nos Açores. Foi tão bom, sem dramas familiares nem laborais, só nós no nosso pedaço de paraíso. Desde que voltámos parece que entrámos num comboio de alta velocidade. Piscámos os olhos e passaram três anos. Sinto-me desgastada, esta correria do dia-a-dia tira-me o brilho dos olhos. Se calhar sou uma rapariga do campo, gosto de tranquilidade, gosto de ter tempo para contemplar tudo, gosto de não ter que olhar para o relógio.

Agora vocês pensarão: Ah és muito picuínhas, tens uma vida brutal, duas filhas cheias de saúde e um maridão que te adora, porque é que estás para aí com m****s!?

Eu sei tudo isso meus queridos. O meu problema é que esta vida de correria faz com que nunca tenha tempo para mim. Aliado a isso tenho uma personalidade que, para meu mal e bem dos outros, tende a auto-negligenciar-se em nome do bem comum, da harmonia e da felicidade dos rostos de quem gosto. Às vezes é muito difícil ser eu. Ainda bem que as pessoas à minha volta só vêem a camada superficial de tudo aquilo que eu sou. Essa camada superficial é altamente funcional, articulada e animada. Por dentro sou um remoinho com várias linhas de pensamento que me fazem sentir 85388 coisas contraditórias ao mesmo tempo.

Não estou a dizer que estou deprimida, sinto-me só bastante desmotivada para tudo o que faz parte da minha vida fora destas quatro paredes. A minha vida aqui em casa com os meus é de facto o MELHOR. Aqui sinto-me sempre amada, sinto-me aceite, aqui posso ser eu a 100%. É essa a nossa maior força enquanto núcleo familiar, somos sempre sinceros e gostamos milhões de infinitos uns dos outros.

Deixo-vos com a música que estive a ouvir enquanto escrevinhei estes rabiscos:




Comemorações Alicianas




"Uau mãe, estamos a voar!"



Alpiarçando e piscinando